Pular para o conteúdo
PUBLICIDADE

Ao vivo, Bocardi questiona greve do metrô de São Paulo e resposta viraliza: ‘jantado’

Uma situação bastante desconfortável aconteceu com o apresentador Rodrigo Bocardi durante o programa Bom Dia SP. Depois de noticiar a greve dos metrôs na cidade de São Paulo, sem esconder sua opinião sobre o assunto, ele entrevistou um dos representantes.

PUBLICIDADE

Bocardi conversava com Altino Prazeres, que é coordenador do Sindicato de Metroviários, quando expôs sua opinião contrária a greve. Ao fim da entrevista, Bocardi ainda questionou o coordenador se achava “razoável” a paralisação dos metrôs.

Prazeres acabou dando uma resposta que viralizou nas redes sociais. Sem deixar de responder, Altino rebateu a pergunta e questionou se era razoável que os bilionários do país enriquecessem durante a pandemia, conforme noticiado pelo portal G1.

PUBLICIDADE

Altino justificou a greve como uma forma de resistência, de acordo com sua avaliação. Diante da notícia de que os ricos estão ficando mais ricos, Altino questionou: “por que os trabalhadores têm que pagar com custo dessa crise?”.

Bocardi tentou interromper a fala de Altino, mas acabou deixando o entrevistado encerrar sua resposta. O apresentador então anunciou o fim do jornal agradecendo a participação de Altino, mas o público destacou o desconcerto do apresentador.

Na internet, muita gente reagiu a entrevista e destacou a resposta de Altino. “Tentativa ridícula de colocar trabalhador contra trabalhador”, escreveu um usuário do twitter. Famosos também reagiram a entrevista, como o apresentador Gregorio Duvivier.

A greve do metrô tem como ponto principal a manutenção das condições de trabalho dos metroviários.