Pular para o conteúdo
PUBLICIDADE

Caso Rafael Miguel: acusado de matar o jovem ator entra para a lista de criminosos mais procurados de SP

A Polícia Civil de São Paulo determinou que Paulo Cupertino Matias, de 49 anos, seja incluído na lista que reúne os criminosos mais procurados do estado. Ele é acusado de matar o ator Rafael Miguel, na época com 22 anos, com 13 tiros.

PUBLICIDADE

Além do ator Rafael Miguel, Matias também é acusado de matar os pais do jovem, Miriam Selma Miguel, 50, e João Alcisio Miguel, 52. Para a polícia, Matias não aprovava o relacionamento da filha, Isabela Tibcherani com Rafael e por isso matou o jovem.

O triplo homicídio aconteceu em junho do ano passado. A Polícia Civil suspeita que a família de Matias esteja ajudando a mantê-lo escondido. Ele agora integra uma lista de 24 criminosos considerados os mais procurados do estado.

PUBLICIDADE

Troca de mensagens acessadas pela Polícia mostram que Matias estava sendo avisado sobre a ação da polícia enquanto se escondia. Dois amigos do comerciante admitiram ter ajudado ele a fugir, logo após os homicídios, e foram denunciados pelo Ministério Público.

Matias é considerado foragido há um ano e agora a polícia suspeita que ele possa ter recebido ajuda para fugir do país. A investigação já checou mais de 300 endereços possivelmente associados a ele, mas não conseguiu localizá-lo.

É possível ainda que o nome de Paulo Matias seja incluído na lista da Interpol, o que poderia facilitar a monitoração dos movimentos dele no exterior, caso de fato tenha evadido do país para fugir do julgamento.