Pular para o conteúdo
PUBLICIDADE

Crise de ansiedade levou brasileira a desaparecer na Alemanha por 6 dias, afirmam familiares

A jovem Lívia Perrone Medina, 27, já está em segurança na companhia da família. No entanto, há poucos dias atrás, esse não era o cenário. A estudante foi declarada desaparecida na Alemanha e teve início a dias intermináveis de buscas.

PUBLICIDADE

Lívia ficou desaparecida por 6 dias, até o momento em que foi encontrada por policiais. O estado aparente de saúde de Lívia, desnutrida e desidrata, além de aparente confusão mental, fez com que os agentes a encaminhassem a um hospital.

A família da jovem conseguiu, com auxílio do consulado do Brasil em Frankfurt, a entrada no país europeu. Com Lívia em melhor estado, a família conseguiu entender o que aconteceu e a mãe dela, Maria Rita, falou aos canais de notícia brasileiros.

PUBLICIDADE

De acordo com informações da mãe, Lívia teve uma crise de ansiedade que resultou no seu desaparecimento. A jovem estudante contou a família que saiu de casa decidida a embarcar para o Brasil naquele dia, mas vagou sem rumo com o passaporte na mão.

A família acredita que o alto nível de estresse pelo qual a jovem tem passado é parte principal no quebra-cabeças desse caso. Lívia morava em outro país e tinha que dar conta das pressões de entregar a tese de mestrado.

Com o surgimento da pandemia, seu estado mental não melhorou, afinal de contas o isolamento social tem causado transtornos mentais ao redor do mundo. Por isso, agora a família pretende trazê-la para o Brasil.

Lívia vivia na Alemanha desde 2017, quando chegou ao país para cursar o mestrado.