Pular para o conteúdo
PUBLICIDADE

Em vídeo, menino de 5 anos tem a córnea queimada com álcool em gel e agora passa por cirurgia

Na cidade de Campinas, em São Paulo, um garotinho de apenas 5 anos teve a córnea do olho queimada com álcool em gel, na sexta-feira (17), e precisou ser submetido a uma cirurgia.

PUBLICIDADE

Bento teria ido higienizar as mãos, uma prática que se tornou comum nestes tempos de pandemia, só que o produto saiu com muita pressão e foi no olho do menino.

A criança ficou desesperada e a mãe imediatamente a levou para o banheiro, dando um banho na criança, que não parava de chorar. Os pais de Bento ficaram preocupados, já que ele continuava reclamando de dor no olho mesmo após lavarem com água corrente e higienizarem, então o levaram até o hospital.

PUBLICIDADE

Os médicos sedaram a criança, que foi encaminhada para o centro cirúrgico, onde foi feita uma limpeza no olho, retirando todo o álcool em gel que ainda se encontrava lá.

Os médicos acreditam que o menino não terá nenhuma sequela, mas ele precisará ficar se recuperando em casa e, se for preciso, retornar ao hospital para conferir se está tudo bem.

A oftalmologista Keyla Carvalho informou que é preciso tomar muito cuidado com o álcool em gel, pois esse produto agora vem sendo amplamente usado pela população, por causa do coronavírus, só que muitos não estão tomando os devidos cuidados.

A profissional afirma que mesmo sendo gel, o conteúdo ainda é álcool e pode afetar drasticamente a visão, podendo levar até a cegueira em certos casos.

Desde o início da pandemia causada pela Covid-19, o número de acidentes com álcool em gel aumentou drasticamente.

Há casos de pessoas que higienizaram as mãos antes de preparar o almoço, e o fogo acabou causando queimaduras na região onde o produto foi aplicado, por exemplo. Por isso é preciso tomar muito cuidado com o uso do álcool em gel.