Pular para o conteúdo
PUBLICIDADE

Marido tira a própria vida porque a mulher não tinha mais relações com ele; a esposa acabou sendo presa

Os casos de briga entre casais infelizmente têm se tornando cada vez mais comuns, ainda mais nestes tempos de pandemia, foi registrado um número maior de desentendimento, sendo que muitos vêm acabando em divórcio.

PUBLICIDADE

Mas em Ahmedabad, em Gujarat, na Índia, um caso chamou a atenção não só da população local, como também de pessoas do mundo todo, já que uma mulher de 32 anos foi presa porque o marido tirou a própria vida após afirmar que eles já não estavam mais fazendo amor e isto lhe trazia grande sofrimento.

De acordo com o Times of India, foi a sogra que se dirigiu até a delegacia mais próxima para prestar queixa. A senhora, identificada por Mjuli, contou aos policiais que seu filho já nem dormia na mesma cama da esposa e isto o deixava angustiado.

PUBLICIDADE

Eles estavam casados há cerca de dois anos, mas Mjuli alegou que a nora não cumpriu suas “atribuições de esposa” e foi por isso que o homem resolveu tirar sua vida no dia 27 do mês passado.

Geeta, viúva do sujeito, foi acusada de “contribuir para o suicídio do marido” e acabou sendo presa. A sogra afirmou que uma vez adentrou no quarto do casal e assim descobriu que eles dormiam em camas diferentes.

Chocada com a descoberta, ela perguntou ao filho o que estava acontecendo e foi quando o sujeito revelou que ele já não tinha relações com a esposa há algum tempo, pois Geeta fez um voto de não dormir mais com o marido.