Pular para o conteúdo
PUBLICIDADE

Mulher que recebeu primeiro transplante de face nos EUA morre e emociona o mundo com sua história de vida

Há muitas história de vida tristes, mas a de Connie Culp será lembrada para sempre por toda a humanidade, tudo aconteceu no ano de 2004 quando seu esposo acertou um tiro de espingarda em seu rosto, ela era uma jovem casada e linda, mas sua face foi completamente destruída.

PUBLICIDADE

No período de 4 anos, ela passou por cerca de 30 cirurgias até chegar ao transplante de rosto, que aconteceu no ano de 2008, quando a receptora recebeu a doação da face de uma mulher falecida, onde seu rosto foi 80% reconstituído.

 

PUBLICIDADE

Da doadora ela recebeu músculos da face, ossos, nervos, vasos sanguíneos e pele, e assim se tornou a primeira pessoa a ter o rosto transplantado, nos EUA.

Recentemente, Connie Culp retornou a ter seu nome na mídia, já que ela faleceu na última quinta-feira, dia 30 de julho, aos 57 anos de idade. As circunstâncias e causas da morte não foram reveladas até o momento da postagem desta notícia.

Connie Culp Foto APJason Miller

Nas redes sociais, muitos lamentam o falecimento dessa mulher que foi uma guerreira e uma grande pioneira. Certamente sua decisão de se submeter a esse transplante foi um presente para toda a humanidade, ficou a experiência registrada e o pesar pela violência doméstica que gerou todo esse tormento na vida desta incrível mulher.

Importante lembrar que, neste momento de pandemia, é necessário respeitar e manter o distanciamento social, bem como fazer o uso da máscara ao sair de casa e usar álcool em gel para higienizar as mãos.