Pular para o conteúdo
PUBLICIDADE

Pandemia pode se tornar ‘pior e pior e pior’, diz diretor-geral da OMS

O coronavírus chegou sem pedir licença e invadiu o mundo desde que o primeiro caso foi confirmado no final do ano passado na China. Depois disso, o mundo inteiro vive uma outra realidade, muito desafiante e difícil por sinal, inclusive, até a última segunda-feira, dia 13 de julho, os registros confirmaram que 12.945.505 pessoas contraíram o vírus.

PUBLICIDADE

Dessas quase 13 milhões de pessoas, 571.444 perderam suas vidas, em decorrência da doença, fato triste, alarmante e preocupante demais para todos em todas as partes do mundo.

Com toda essa situação, o diretor-geral da Organização Mundial da Saúde, tem se manifestado constantemente em entrevistas e declarações em jornais, revistas e rede social sobre a atual situação do vírus no mundo.

PUBLICIDADE

Nesta segunda-feira, dia 13 de julho, por exemplo, o chefe da pasta que orienta as demandas de saúde mundial, se manifestou mais uma vez em um discurso alarmante e necessário. Preocupado, Tedros chamou a atenção de todos para a grande ameaça mundial chamada coronavírus, nosso inimigo número um desde que se tornou uma pandemia.

Páginas: 1 2