Pular para o conteúdo
PUBLICIDADE

Pitbull que foi covardemente atacado volta a andar sem cadeira de rodas e comove envolvidos no caso

  • Roberta R 

O cachorro Sansão comoveu a muitos quando sua história começou a ser veiculada. O pitbull, de dois anos de idade, foi covardemente atacado por dois vizinhos de uma empresa do dono do cachorro.

PUBLICIDADE

De acordo com o dono do pitbull, Gleidson Justino da Silva, os homens fizeram isso por vingança. Sansão teria pulado o muro da propriedade dias antes e atacado um cachorro dos suspeitos. No último dia 6, Sansão foi amarrado e teve as patas traseiras decepadas com uma foice.

PUBLICIDADE

Ainda de acordo com o tutor de Sansão, para conter o cachorro durante a violência, os homens amarraram a boca do cachorro com arame farpado. Gleidson fez um boletim de ocorrência, mas reclama das leis que considera brandas demais para quem comete maus-tratos aos animais.

Sansão foi socorrido e precisou passar por uma cirurgia para reduzir as patas traseiras e corrigir os ferimentos causados pela foice. O cãozinho recebeu uma cadeira de rodas, no último dia 9, doada por uma voluntária.

A equipe de veterinária envolvida no caso se comoveu bastante com a história de Sansão. O cachorro é muito querido na empresa onde morava, havia até recebido uma festinha de aniversário para comemorar os dois anos de vida.

Páginas: 1 2