Pular para o conteúdo
PUBLICIDADE

Resolve? A ivermectina é para matar verme, mas tem gente usando contra o novo coronavírus

Nas redes sociais e também em grupos de WhatsApp, já corre a notícia de que alguém “tomou ivermectina” e “se curou da Covid-19”. Mas será mesmo que esse remédio é capaz de combater o novo coronavírus? Ou será mais uma fake news e as pessoas estão colocando suas vidas em risco?

PUBLICIDADE

Na ciência, é comum o reposicionamento de fármacos, que é quando um remédio desenvolvido para um propósito acaba sendo utilizado para outro fim algum tempo depois. No caso da ivermectina, seu uso é para matar parasitas, só que muitos acreditam que também serve para acabar com o vírus.

A esta altura da pandemia, é de extrema importância que as pessoas tomem cuidados com os medicamentos que estão sendo aconselhados por familiares e internautas, ou seja, indivíduos que não têm capacitação para esta função.

PUBLICIDADE

Jean Gorinchteyn, infectologista do Hospital Emílio Ribas e Albert Einstein, afirma ao site UOL que usar a ivermectina traz uma ‘falsa sensação de segurança’ e, além da pessoa passar a correr mais risco, pois pensará que pode se expor mais, ainda poderá enfrentar os efeitos alérgicos do medicamento, junto de algumas possíveis alterações no fígado.

A Anvisa já fez um alerta quanto ao uso indiscriminado da ivermectina e avisou que o uso deste medicamento não é recomendado para tratar pacientes com a Covid-19.

A agência procurou deixar claro que, até o momento, não há nenhum estudo conclusivo comprovando que a ivermectina tem efeito contra o novo coronavírus.

A dica então é não usar ivermectina porque algum internauta ou familiar disse que o medicamento é ótimo. Em caso de dúvida, um médico sempre deve ser consultado.