Pular para o conteúdo
PUBLICIDADE

Veja o que aconteceu com o menino que ficou com a cabeça presa entre as paredes de sua casa

Quem tem criança em casa sabe que não pode desviar a atenção um minuto, que eles já podem aprontar. O perigo é quando a estrepolia se transforma em acidente doméstico, que muitas vezes chega a ser fatal.

PUBLICIDADE

O caso recente envolvendo uma criança, de apenas 5 anos de idade, quase terminou em tragédia, mas, graças ao empenho, agilidade e profissionalismo dos homens do Corpo de Bombeiros, tudo acabou bem, apesar do susto.

Tudo aconteceu quando a Corporação do Corpo de Bombeiros recebeu uma chamada urgente, em Mineiros, no Sudoeste de Goiás, na última quinta-feira, dia 23 de julho.

PUBLICIDADE

De acordo com os registros e depoimento de familiares, a criança estava brincando na sala de sua casa, quando tentou atravessar um vão entre duas paredes e acabou ficando presa. Sua mãe tentou tirá-lo, mas não conseguiu.

Toda a ação durou cerca de meia hora, os bombeiros precisaram usar um martelo e uma entalhadeira para conseguirem retirar o menino sem nenhum ferimento. Sem ter seu nome divulgado, por ser menor de idade, a criança ajudou no resgate, mantendo a respiração e a calma.

Criana ficou com cabea presa entre duas paredes e precisou ser resgatada em Mineiros Gois Foto ReproduoCorpo de Bombeiros

Para que o menino fosse retirado em segurança, os bombeiros lhe deram um óculos de proteção e ficaram conversando com ele o tempo todo, além de contar com a ajuda da mãe que segurou sua cabeça para que tudo terminasse bem, como de fato aconteceu.

O caso repercutiu entre vizinhos e nas redes sociais. Os homens que salvaram a vida do menino, foram elogiados por todos.

Bombeiros usam entalhadeira e martelo para retirar tijolos e libertar criana Foto ReproduoCorpo de Bombeiros